18 de julho de 2020

foda se

nao tenho medo do que
vim aqui pra ser,
Se eu vim pra ser,
era pra ser,
era pra ser

muitos apontam dedo e
nem sabem fazer
só sabem dizer
nem sabem fazer
só sabem dizer

Eu vim aqui ser bem mais
do que acham que sou capaz
Sigo firme na batida
Os cuzão ja ficou pra trás
Desistir jamais
Persisti demais
Honro os ancestrais
Fatos são reais
Juntando alguns reais


Corre insano,
todo ano
Mesmo plano
Seguindo No piano
Com pique De cigano
abre alas to passando
Sutaque de goiano
Grave ta espacando
Invejoso difamando
Safadas tão olhando
Talarico aproximando
Eles não tão entendendo
acham que tamo brincando
Tamo aqui é trabalhando
Dinheiro ta rendendo
Minha conta ta enchendo
Minha mãe ta se orgulhando

Acham que tamo brincando
minha mãe se orgulha
Inimigos construindo
minha sepultura
Sigo ileso pois quem guarda
guia das altura
O resultado do estouro
não tem quem segura

-
Passei vários veneno pa poder crescer
Aprendi que honestidade faz prevalecer
Muita cara na parede pude aprender
Muita ideia na cabeça tive que escrever






29 de abril de 2020

Cultura Racional (serpente)

beat RŮDE - Eternal Youth
Eu me permito
ser guiado
pelas forças superiores
da hierarquia do bem maior

Forças Elétricas e Magnéticas
Formaram todas as estéticas

10 de abril de 2020

musica ssarinha

Ela só joga sujo
Jogo interesse
Por isso mesmo fujo
antes que me estresse

E eu não to maluco
Bem melhor se tivesse
Você sempre fode com tudo
Vadia, vê se me esquece

Fala que me ama
Eu gosto que me engana
Porque na cama
nunca vi nenhuma que supere

Ja me senti na lama
quando seu ego inflama
Faz drama e me chama
Mas melhor que não me espere

Ja percebi a sua
Tu quer que eu enlouqueça
Vou andar pela rua
Esfriar minha cabeça

Bares e boates
Bebida entorpecente
Envolvendo com as loucas
De um jeito inconsequente

Já fui seu refém
Abduziu que nem alien
Mas nem vem que num tem
Agora quero é meu bem

Se eu deixar levar
É você que me leva
Viajo na suas curvas
brincando de adão e eva

Você é uma perva
Te trago como a erva
Abrindo bem sua perna
Enquanto cê me observa

Ciclo repetitivo
Um habito nocivo
É ó paliativo
Relacionamento abusivo
















7 de abril de 2020

Erro Primário

   Em um certo período, que não pode ser medido pelo tempo, nós habitávamos um lugar onde não existia desordem.
   Nesse lugar a ordem era mantida, pois seguíamos orientações superiores.
   Em um determinado momento, devido ao progresso ordenado, ficamos exposto a uma nova consciência e ela nos permitiu ter acesso a interpretações que antes nunca foram acessadas.
  Era o final de um ciclo e nascia uma nova era, com possibilidades que antes eram impossíveis.
  Com a consciência graduada, começamos a sentir os efeitos dessa transformação e sentimos que estávamos aptos a tomar decisões sem consultar as orientações superiores, pois há muito já estávamos acatando todas elas com excelência. Por seguir tanto tempo as orientações superiores, podíamos tomar algumas decisões por nós mesmos.
  Devido a essa mudança de consciência, alertaram que poderia haver a necessidade de consultar as orientações superiores, em situações de indecisão.
  O progresso continuou e a adaptação a nova consciência foi um processo extraordinária. Com a capacidade de decisão, surgiram novas possibilidades de progresso.
  Emancipados e orientados, iniciou assim a um novo ciclo de progresso. A ultima orientação foi que retornasse quando sentisse indecisão.
  Consultávamos as orientações superiores sempre que ficávamos indecisos, retornando assim a boa marcha do progresso.

3 de abril de 2020

Karma

Amor eterno
só materno

To sem direção,
aprendiz de natação
Tanto a vida ensina
e nada, nada, nada
Minha vó sempre dizia
Menino toma juízo
Eu acabo tomando cerveja e saindo no prejuízo
Ser humano não é fácil,
missão quase que impossível
Persisto em vários erros
Sinto que a alma desce um nível
Amar demais
Odiar demais
Já perdi a paz
Excesso custou caro demais
Saudade no peito
me deixa sem jeito
Aprendendo a crescer
Sabendo reconhecer
Que quem eu amo vai partir
Sem lei de se despedir
Aprendi que, momento difícil fortalece

Saudade do meu pai
Meu velho esteja em paz
Pode ir com Deus
Nem pense em pra trás
Eu? Continuo aqui
honrando os ancestrais
Aprendi sim
Honestidade até o fim
Por isso meu filho eu sei
Também vai crescer assim.
Como eu em você, se inspirar em mim.
Obrigado mãe
Por tudo que você fez
Nem lembro dos 9 mês
Mas sei como é gravidez
Meu pai meteu o pé
Nem sei de qual que foi
Você aguentou na fé
Nem imagino como doi
Tu nem tinha tempo
Ocupada com o trampo
Sempre no meio de campo
Raro eu via seu descanso
Agradeço sem cessar
Tenho em quem me espelhar
Minha cruz eu vim rastar
Como o cristo eu vou honrar













30 de março de 2020

Desencanto

A ilusão burrificou todos de maneira tal Que asneiras são faladas como se fosse normal Em todo lado se vê, competição sem fim Ninguém vive maravilhas, fingindo tanto assim Sofrimento e miséria, alimentando a fúria Aparência aqui impera, alimenta a luxúria São filhos da ilusão, Perpetuando o encanto Sem saber porque existem, a morte ainda é um espanto Temendo e correndo, do golpe mortal Mas consomem várias coisas de efeito letal Buscando desvendar o sobrenatural Ta bem perto de um hospício, o suicídio é natural Por isso cada qual com sua palhaçada São só sábias burrices que nunca dão em nada Se o nada fosse tudo, tudo isso adiantaria Mas tudo acaba em nada e continua a fantasia O vivente consciente, se mantem na humildade Vem do nada, vai pro nada. Essa é a pura verdade Na cabeça o que interessa, é a manter a sanidade A esperança nunca morre, sonha com fim da maldade Confia na natureza, espera vir coisa melhor Acredita na pureza, planta sempre o amor Por isso esta provado, o mundo aqui é um hospício Vários vivem alienados na beira do precipício Uns querendo ser melhor, outros querem saber mais Capazes de causar dor, vivem pra matar a paz É uma guerra sem pudor, o mundo todo envolvido Se o guerreiro fraquejou, logo mais é abatido Sigo me fortalecendo, buscando minhas origens Raciocínio aguçado, vendo além das miragens Ontem eu tava pior, hoje sei tava enganado Amanhã vai ser melhor, o mal fica no passado