26 de novembro de 2019

raiva

Proposito da letra:
Destacar ocasiões que geram raiva com a finalidade de auto-observação

RAIVA!
quando o dinheiro acaba
RAIVA!
quando a polícia me para
RAIVA!
quando escuto mentira
Eu sinto raiva e percebo que o governo conspira

O salário por dia
não é nem vinte conto
É muita covardia
Ainda tem o desconto
No busão apertado
Corre risco de assalto
Já não basta o estado
Que rouba pra todo lado
Na escola
Ja tá faltando professor
Pagam esmola
Não dão o devido valor
E as viela
Ja tão lotada de menor
Abandonaram a  escola
Pra pode virar vapor





Raiva de não ter escola boa pra estudar
Raiva do governo só ensinar a roubar
Raiva de não ter dinheiro, contas pra pagar


quando apanho na cara
quando o dinheiro acaba
quando eu perco o controle
quando o inimigo conspira
quando escuto mentira
quando os problemas me pira
quando querem por coleira

de tanto ter que pedir paz
A mente já não aguenta mais

Me controlo todo dia
Tento manter a calma
no meio da hipocrisia

31 de outubro de 2019

selvagem

Selvagem, como um cavalo indomável
Selvagem, como um mendigo miserável
Selvagem, como um arcanjo intocável
Destemido esquizofrênico inacreditável

Levanto cedo da cama
As dividas exigem
O falso me difama
Sujando minha imagem
Minha alma vive o drama
Buscando a origem
O fraco só reclama
Enquanto os fortes agem
Uns comprando escama
Querendo ter coragem
É uma nirvana insana
Onde os dentes rangem
O chá aqui se fuma
E é pura viagem
Alivia os traumas
De toda malandragem








3 de agosto de 2019

batalha

A vida cobra e tu se desdobra
O tempo exige cada manobra
Uns querem o troco mas nada sobra
Eu não confio nem na minha sombra


Pode vim cobra
com sangue de cobra
Aqui nunca da zebra
Se nois deve nois paga
A vida é uma batalha
E eu não to sozinho
A minha fé não falha, vou firme até o fim
Esse é o meu caminho
Brindo com um vinho
Com uma gata e um verdinho eu n em saio do ninho
Se a rosa tem espinho
Eu to masoquista
A dor não é ruim, me transformou em um artista

Eu sigo na pista
que a porta se abra
Se ela imperrar
Eu trouxe o pé de cabra
Então abra cadabra
Deixa eu passar
A trilha é macabra mas nem vou me assutar

Olhando pro céu
consigo ver o véu
tem gosto de féu
me sinto como um réu
Dentro da ilusão
Querendo os cifrão
Dessa competição
Ja to abrindo mão

A vida cobra e tu se desdobra
O tempo exige cada manobra
Uns querem o troco mas nada sobra
Eu não confio nem na minha sombra

17 de julho de 2019

organizando o caos

Organizando o caos
Com futuro em minhas mãos
Sigo nessa missão
Feito um leão de sião
Nada é em vão
São muitos aprendizados
Observando os dois lados
O fardo é bem pesado

10 de julho de 2019

Pai Nosso

Pai Nosso que estais nos Céus,
Perdoa os erros desse pobre réu Santificado seja o vosso Nome,
Somente em ti serei grande homem 
venha a nós o vosso Reino, Que a paz seja o vosso hino seja feita a vossa vontade
Serei instrumento da tua bondade assim na terra como no Céu. Erga agora o nosso véu O pão nosso nos dai hoje, Que a ingratidão nunca nos suje perdoai-nos as nossas ofensas 
Porque a lista já é imensa assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, Da dúvida nos armamos Sentimos desprotegidos Não nos deixeis cair em tentação, Podemos vencer toda aprovação mas livrai-nos de todo Mal
Pois só tua graça nos faz imortal

Amém

31 de maio de 2019

sobrivência

sobrivencia
essa é a lei da convivencia
Pra resistir aqui
Tem que ter resiliencia
Saber com quem andar
Sabe onde entrar
Sabe como chegar
Saber pedir licença
------------------------------------
Lincensa pra chegar
Racional é a palavra
Lucidez aqui te livra
De uma mente escrava
Atitude,
Essa é a melhor virtude
Fiz o melhor que pude
Lutei para que mude
Então se escute
Muito aqui tem que mudar
O planeta vai rodar
Nossos filhos vão herdar
É preciso preservar
Pro amanha não vir faltar
Isso aqui não é disputa
A missão nunca foi curta
---------------------------------------
sobrivencia
essa é a lei da convivencia 
Pra resistir aqui
Tem que ter resiliencia
Saber com quem andar
Sabe onde entrar
Sabe como chegar
Saber pedir licença
--------------------------------------
sigo em frente
mantendo a consciência
Evitando os pensamento
Que gera incompetência
Pra expressar
Vou correr pra chegar lá
Sabendo que o sonho
Nunca deve acabar
Tem correr
e nunca fraquejar
Traçar metas
Seguir regras
Lutar pra alcançar
Porque isso é visão
Isso é evolução
Não tamo aqui pra perde tempo não
Só busque evolui
Só busque progredir
Tenha fé e nunca desista
Que o resto vai fluir

4 de março de 2019

Vida Humana


Entrou, olhou, gostou, ficou, é seu
Parou, pensou, falou, falhou, perdeu
Amou, gozou, multi plicou, fudeu
Chorou, sarou, se elevou, cresceu

To pensando voltar pro interior
Essa vida de cidade me desanimou
Os crente já tão esperando o seu salvador
O Pastor se aproveita em nome do senhor
Essa galera em minha volta só que ser maior
Essa galera se revolta e mata por amor
Outra galera vem e revida e faz bem pior
Eu no meio dessa porra sentindo o fedor

Quantas tretas acabam em jaz
Quanta miséria tudo isso nos traz
O inimigo se esconde, é muito sagaz
Muitas famílias choram sem paz

Vida humana emana uma nirvana insana
Vida urbana, chama, pede por mais grana
Os menor criado só falando em xana
Educação da babilon sete dias por semana
Vida falsa, tudo passa é aparência
Mas não deixa de testar a sua competência
Vida falsa, tudo passa é momentâneo
O suicídio inconsciente nem parece espontâneo


Na segunda,
quem trabalha
tem que chegar pontual
Até sexta segue dentro da rotina
Cre em Deus mas leva uma vida ateia

Vida falsa, tudo passa é aparência
Mas não deixa de testar a sua competência
Vida falsa, tudo passa é momentâneo
O suicídio inconsciente nem parece espontâneo